Volta às Aulas 2012

•01/02/2012 • Deixe um comentário

As férias estão terminando e um novo ano letivo está às portas. O início das aulas, muitas vezes, é marcado por insegurança em algumas crianças, já que se trata de um momento de mudança onde é normal sentir medo. Porém, lembre-se que não é necessária tanta preocupação assim, uma vez que a situação é tão nova para você, quanto para os colegas e professores. 

Para enfrentar a insegurança dos primeiros dias, vale algumas dicas: no primeiro dia de aula chegue mais cedo para ter tempo de se aproximar e conversar com as pessoas; estabeleça um relacionamento com a nova professora desde o início; trate todos os funcionários da escola com educação e respeito. Organize-se também um dia antes: confira se todo o material necessário está dentro da mochila, separe o uniforme, durma mais cedo, tome um café da manhã reforçado. Boa aula!

Texto: Patrícia Lopes
Equipe Brasil Escola

 

Anúncios

Volta às Aulas

•01/02/2012 • Deixe um comentário

Volta às Aulas

1º Dia de Aula

•01/02/2012 • Deixe um comentário

1º Dia de Aula

Animais também merece o nosso respeito

•14/01/2012 • Deixe um comentário

Eu Apoio Site da fome – Doações de Alimentos

•07/12/2011 • Deixe um comentário

Por que ajudar

 

O maior sonho da humanidade é ser capaz de vencer aquilo que a enfraquece, o que nos torna vulneráveis, o que nos leva a morte.

Estender a mão

Ajudar o próximo é um ato divino, capaz de sanar os males da vida, mesmo que seja um ato pequeno para você, acaba se tornando de extrema grandeza ao beneficiado.

Sanar a fome no Brasil é a primordial solução para acabar com as mazelas do homem, ter acesso ao alimento é um direito básico a vida.

Doe alimentos

Este ato transforma vidas.

Não podemos permitir que nossos semelhantes morram de fome, enquanto nossas mesas são fartas.

O Brasil é um dos países que mais se desperdiça alimentos em todo o planeta. Portanto vamos mudar esse quadro, porque alimentar um faminto não é um ato de educação, e sim de humanidade e cidadania.

Segundo estudos da PNAD (Pesquisa Nacional de amostras de Domicílios) se cada brasileiro doar 14 reais por mês a fome seria erradicada do pais. Mas o nosso apelo, não se baseia na arrecadação de dinheiro, e sim da própria comida, do alimento, recurso básico para a sobrevivência do homem.

Ajude-nos a construir um Brasil sem fome para os nosso descendentes.

     Eu apóio o Site da Fome                                            Eu apóio o Site da Fome

1º de Dezembro Luta contra a Aids – Campanha Nacional

•01/12/2011 • Deixe um comentário

Em 1º de dezembro, comemora-se o Dia Mundial de Luta Contra a Aids. E a campanha deste ano dará enfoque nos jovens gays de 15 a 24 anos das classes C, D e E. A ação busca discutir as questões relacionadas à vulnerabilidade ao HIV/aids, na população prioritária, sob o ponto de vista do estigma e do preconceito. Além disso, a ideia é estimular a reflexão sobre a falsa impressão de que a aids afeta apenas o outro, distante da percepção de que todos estamos vulneráveis.

Públicos secundários: profissionais de saúde, gestores, profissionais da área de educação e comunidade escolar.

Mídias sugeridas: TV, rádio, internet, cartazes, fôlderes e mobiliários urbanos


Dia Mundial de Luta contra a Aids tem campanha direcionada a jovens gays

Ministério da Saúde direciona ações de prevenção principalmente aos jovens gays, com idade de 15 a 24 anos, das classes C, D e E

São Paulo – Em 1987 a Organização das Nações Unidas instituiu 1º de dezembro como o Dia Mundial da Luta contra a Aids. No ano seguinte o Brasil também adotou a data em seu calendário e desde então aproveita o dia para lançar campanhas de conscientização e informação sobre a doença.

Neste ano o Ministério da Saúde irá trabalhar com ações de prevenção à Aids e outras doenças sexualmente transmissíveis direcionadas principalmente aos jovens gays, com idade de 15 a 24 anos, pertencentes às classes C, D e E.

As discussões irão girar em torno da vulnerabilidade a que todos estão expostos. Portanto, a campanha trabalhará fortemente a importância do uso de preservativos.

Em Brasília o tema será “Aids não tem preconceito. Previna-se” e os jovens receberão pins e preservativos. No Rio de Janeiro os trabalhos começam nesta quinta-feira (1) e vão até domingo (4). Todos os postos de saúde e clínicas da família na cidade estarão abertos para a realização de testes de diagnóstico do vírus HIV. Espera-se que sejam feitos 30 mil testes somente no sábado (3).

A Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo distribuirá material informativo e camisinhas no centro comercial Ceagesp. A cidade também contará com postos para a realização de testes rápidos, no Poupatempo de Itaquera e em estações de trem da CPTM.

Em todo o estado serão divulgadas informações sobre a necessidade de fazer os testes de identificação da Aids, que são disponibilizados gratuitamente na rede pública de saúde.

A DKT, detentora das marcas de preservativos Prudence e Affair, distribuirá camisinhas em pontos estratégicos em São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Minas Gerais, Bahia, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Ao todo a empresa pretende espalhar 200 mil preservativos, contando com a ajuda de Organizações Não Governamentais.

Aids: cuidados com a alimentação evitam infecções

Pacientes HIV devem ficar atentos desde a escolha até o preparo dos alimentos

O Dia Mundial de Luta Contra Aids, também lembra sobre a importância de melhorar a qualidade de vida do paciente HIV. De acordo com o Boletim Epidemiológico Aids/DST, divulgado pelo Ministério da Saúde, cerca de 0,6% da população brasileira manifestaram sintomas da doença em 2011, sendo que 37 mil pessoas por ano são infectadas com o vírus. A boa notícia do levantamento é que a taxa de mortalidade baixou em 17% nos últimos 12 anos, indicando que, quando tomados os cuidados necessários, é possível conviver bem com a doença.

Na lista de cuidados do paciente HIV, a alimentação ocupa um lugar importante. “Com a alimentação correta, o paciente evita infecções, perda de peso e outras complicações da doença”, explica Amélia Santos, nutricionista do Centro de Referência e Treinamento para Aidse DST de São Paulo. “Em alguns casos é necessário o uso de suplementação alimentar, mas tudo vai depender do estado do paciente”, explica a especialista. Confira quais são os cuidados com o cardápio.

Reeducação alimentar

“O paciente HIV tem o metabolismo complicado. O próprio vírus pode torná-lo acelerado, facilitando a perda de peso”, explica a nutricionista Amélia Santos. Nesses casos, é importante que o paciente faça uma reeducação alimentar.

O ideal é investir sempre em proteínas e gorduras boas – que vão fornecer a energia necessária para a pessoa -, como peixes, carnes magras e queijos brancos. Comer de três em três horas; optar pelos alimentos integrais; evitar comer frituras e alimentos com muitos conservantes; e adquirir o hábito de tomar água, água de coco e sucos naturais no lugar de refrigerantes e bebidas com corantes artificiais. “As guloseimas não estão proibidas, podem ser consumidas uma vez a cada duas semanas, mas a liberação vai depender do estado físico do paciente”, diz Amélia.

Enem 2011 – 2º Dia poucas horas para o fim das provas

•23/10/2011 • Deixe um comentário

Os mais de 5 milhões de estudantes inscritos realizam neste domingo o segundo e último dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática e suas tecnologias.

Como ocorreu no primeiro dia, as provas começam às 13h e os portões abrem ao meio-dia. Mas os candidatos terão mais uma hora de prova (até as 18h30) por conta da redação.

No primeiro dia de realização de provas, o Enem registrou abstenção média de 25,29%. Os estados com maior índice foram o Distrito Federal (31%), Bahia (30,1%) e Roraima (29,3%). Os estados com menor índice foram Piauí (19,5%), Acre (19,4%) e Santa Catarina (20,35%). No ano passado, o índice de abstenção registrado no primeiro dia do Enem foi de 27%.

Técnicos do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) avaliaram que as condições climáticas, com muita chuva, foram as responsáveis pelos índices da Bahia e de Roraima, enquanto que o Distrito Federal apresentou uma temperatura média de 17 graus, muito rara nesta época do ano.

A realização da primeira etapa do Enem transcorreu sem grandes incidentes. Foram registrados apenas eventos em Salvador, São Paulo e Rio de Janeiro, em função da ansiedade de última hora e impaciência com relação a filas na entrada.

O Inep ressalta que, para a prova deste domingo é importante que os candidatos se apresentem no local de aplicação do exame com uma hora de antecedência do horário marcado para o início.

Rede social – Houve um movimento intenso de mensagens nas redes sociais antes das 13 horas. Depois disso, o monitoramento do Inep identificou casos de oito participantes que postaram mensagens durante a realização das provas. Foram registrados em ata e excluídos do Enem, de acordo com o ponto 8.3 do edital do Enem 2011, candidatos nas localidades de Arari (MA), Foz do Iguaçu (PR), Guaíba (RS), Itararé (SP), Porto Alegre, Sananduva (RS), Santarém (PA) e Santo André (SP).

A edição de 2011 do Enem teve recorde de inscritos: 5.367.092. Neste sábado, os participantes realizaram as provas de ciências humanas e suas tecnologias e ciências da natureza e suas tecnologias.

 

 

 

FONTE

http://www.jb.com.br/